Arquivo de livros

Agora estou aqui!

Posted in Uma Nova História (Contos Infantis) with tags , on Janeiro 4, 2015 by soniapessoa

Acho que nunca cheguei a dizer adeus. A ideia era fazer uma pausa a que a vida me forçou, mas a pausa passou de breve a prolongada, tão prolongada que lhe ditou o fim. Voltei várias vezes, mas sem conseguir escrever. Senti que aqui já não fazia sentido. Houve amigos que me seguiram, outros amigos que se perderam. Espero que nunca seja tarde para os recuperar, ou me recuperar. Estou no facebook, apareçam! E estou também aqui , https://www.facebook.com/edicoesserdiferenteebom ,com um novo projecto literário. Convido todos a conhecerem o projecto que passa por um crowdfunding que podem apoiar. Espreitem aqui para conhecer e apoiar o projecto! http://ppl.com.pt/pt/prj/um-dia-na-praia

Saudades…

capa

É Bom Ser Diferente…

Posted in As minhas (vossas) Histórias with tags , , , , on Julho 10, 2008 by soniapessoa

Caros amigos,

Depois do apoio que me deram, nesta luta que foi conseguir editar o meu primeiro livro infantil, “Ser Diferente é Bom (em princípio ficará este título), sinto-me na obrigação de vos manter a par do que se vai passando. Assim, sem novidades bombásticas, falei hoje com a editora e está tudo encaminhado. A ilustradora, a Carla Carvalho, já meteu mãos à obra e a coisa está em processo de gestação. Como previsto, o lançamento será em meados de Outubro.

Para quem agora chega, ao meu cantinho, pode sempre consultar as páginas aí no canto superior do lado direito do blog e perceber rapidamente de que se trata. Para os mais preguiçosos posso explicar que este é um projecto ambicioso, que se resume a histórias infantis um pouco diferentes das que estamos habituados a ver no nosso panorama literário infanto-juvenil. Temas como a homossexualidade, a paixão, a morte, a exclusão, deficiências motoras, meninos soldados, guerra, marcam a diferença destas histórias, mas sempre sem perder de vista a beleza, a ingenuidade, a inocência, de quem as lê: as crianças.

Novo Livro em Novembro

Posted in Uncategorized with tags , , , , on Julho 8, 2008 by soniapessoa

“Não há fome que não dê em fartura”, a frase é do amigo Eremitério , frequentador deste blog e que tem lá no seu cantinho um desafio que foi lançado a quem quisesse participar. Eu, que tenho a mania das palavras, não resisti e meti mãos à esferográfica… Surpresa das surpresas a coisa vai dar num livro colectivo, a ser editado em Novembro.           

 A ideia é muito interessante: foram lançados 5 jogos diferentes, cada um com doze palavras, e os participantes escreveriam um texto que contivesse as doze palavras sugeridas… imaginam a diversidade de interpretações dadas às mesmas palavras?… é um desafio surpreendente, como cada um de nós, com vivências diferentes, histórias particulares, jogamos, brincamos e criamos “histórias” tão diversas.

Até haver data certa para o lançamento desta obra colectiva, podem visitar o cantinho do Eremitério e ler alguns dos textos, entretanto, lá publicados.

Ilustrador… procura-se

Posted in As minhas (vossas) Histórias with tags , , , , , , , on Junho 24, 2008 by soniapessoa

Caros blogueiros,

Como é do vosso conhecimento, a “guerra” que travo dia-a-dia é a de tentar arranjar uma solução para a edição dos livros infantis que escrevi, e divulgo aqui no meu cantinho. Depois de tentar o contacto com várias, muitas, editoras, e perceber que esse é um mundo complexo e difícil de entrar (principalmente quando não se conhece o Sr. Pinto da Costa!!!!… passo a publicidade ao FCP), enveredei agora pelo informar-me sobre a edição de autor (o meu obrigado à Raquel Vasconcelos pela ajuda que tem dado). Mas, preciso de arranjar um ilustrador que se apaixone pelo projecto e o faça, pelo menos de início, por amor à camisola, por amor à arte da ilustração.

Por isso, e conto com a vossa generosa colaboração, agradeço que divulguem este post o mais possível, pois há sempre alguém que conhece alguém, que conhece alguém, que conhece alguém… e talvez assim cheguemos lá.

O meu muito obrigada e vão dando notícias.

Sónia Pessoa

Flashs do Dia… quem não leu os livros do Cebolinha e da Mónica!!!

Posted in Flashs do Dia... with tags , , , on Junho 23, 2008 by soniapessoa

A minha mãe tem uma amiga que adorava livros de banda desenhada. Lembro-me de ser pequena e quando íamos jantar lá a casa, corria para o quarto da filha, da amiga da minha mãe, e, debaixo da cama, encontrava caixotes e caixotes com as pequenas revistas da Turma da Mónica, e outras. E os meus pais podiam jantar, confraternizar,divertir-se, à vontade, pois enquanto houvesse que ler não havia menina para ninguém… bons tempos!

 

“Autor da turma da Mónica

O Brasil tem um novo emigrante português: chama-se António Alfacinha e foi desenhado por Maurício de Sousa, o criador da Mónica e do Cebolinha. A ideia já existia há décadas. Quem primeiro a propôs foi um desenhista português já falecido que trabalhava nos estúdios de Maurício. Agora saiu o primeiro número com o António Alfacinha e Maurício promete que não vai ser o último.”

Estas novas revistas chegam a Portugal lá para o final do ano.

A Turma da Mónica (clicar em baixo)                                                      http://www.youtube.com/watch?v=ywRj7H0yndo

Dia Mundial da Criança… faltam 4 dias

Posted in Dedicatórias with tags , , , , , on Maio 28, 2008 by soniapessoa

PRINCÍPIO 7º

A criança terá direito a receber educação, que será gratuita e compulsória pelo menos no grau primário.

Ser-lhe-á propiciada uma educação capaz de promover a sua cultura geral e capacitá-la a, em condições de iguais oportunidades, desenvolver as suas aptidões, sua capacidade de emitir juízo e seu senso de responsabilidade moral e social, e a tornar-se um membro útil da sociedade.

Os melhores interesses da criança serão a diretriz a nortear os responsáveis pela sua educação e orientação; esta responsabilidade cabe, em primeiro lugar, aos pais.

A criança terá ampla oportunidade para brincar e divertir-se, visando os propósitos mesmos da sua educação; a sociedade e as autoridades públicas empenhar-se-ão em promover o gozo deste direito.

Dia Mundial da Criança… faltam 9 dias

Posted in Dedicatórias with tags , , , , on Maio 23, 2008 by soniapessoa

“O que se faz agora com as crianças é o que elas farão depois com a sociedade”

Karl Mannheim

PRINCÍPIO 2º

A criança gozará proteção social e ser-lhe-ão proporcionadas oportunidade e facilidades, por lei e por outros meios, a fim de lhe facultar o desenvolvimento físico, mental, moral, espiritual e social, de forma sadia e normal e em condições de liberdade e dignidade. Na instituição das leis visando este objetivo levar-se-ão em conta sobretudo, os melhores interesses da criança.

 

A Minha Filhota Mais Velha

Posted in Dedicatórias with tags , , , , on Abril 28, 2008 by soniapessoa

Isto de ter 38 anos, e uma filhota pertinho dos 15, obriga-me, às vezes, a calçar umas sapatilhas e correr ao mesmo ritmo que ela. Sim, porque a vida agora não anda a vapor, não corre a electricidade, mas sim à velocidade de um TGV.

Cá em casa, o regime em vigor é, obviamente, o democrático, mas também com, óbvios, limites ao anarquismo, e, por isso, toda a gente opina e participa na vida de uns e outros. Assim, também eu peço a contribuição de todos nesta aventura, que é este blog. Pedi, então, à minha filhota mais velha que sugerisse um tema musical para o dito cujo.

A minha filhota mais velha é uma excelente aluna (eu sei que ela faria tudo para apagar este post, mas, azar, não tem a password :))… não preciso de lhe dizer para estudar, fazer um teste, e ter boa nota, faz parte de um dia-a-dia escolar normal. E para descontrair, a minha filhota mais velha, de mp3 em riste, rodeia-se de livros, romances e não só, e lê-os com uma avidez, pouco normal desta idade. A minha filhota mais velha, elabora listas e listas de livros que vai procurar à Fnac e quase nunca encontra. Porque não lhe chega comprar livros e livros, têm de ser na versão inglesa, ou seja, é o mesmo que dizer que espera três semanas para que estes venham dos Estados Unidos. 

E enquanto espera, a minha filhota mais velha, passa horas no computador a fazer montagens de imagens no Photoshop, e afins. E, enquanto os livros não vêm, ainda lhe sobra tempo para participar em concursos literários, na net. Ou seja, escreve romances, de páginas e páginas, e claro está, para que não haja dúvidas, escreve-os em inglês, pois, diz ela, é mais fácil…

No meio disto tudo, sempre de mp3 em riste, ainda arranja tempo para dizer à mãe, o quão esta é ignorante quando, a pobre, (que sou eu), pensava que a frase “Oh mar salgado, quanto do teu sal são lágrimas de Portugal” era de Camões e não, “como toda a gente sabe”, diz ela, é de Fernando Pessoa.

A minha filhota mais velha é um espectáculo… e, sempre de mp3 em riste, quando me disse que ía sugerir uma música para o meu blog, eu pensei: “ok, deve vir para aí Mozart, Bethoven, ou coisa do género… só pode! Então, sugeriu que eu aqui pusesse uma música que muito lhe agrada: “Numb” dos Linkin Park.

Ok. E quem são os senhores? Não queria parecer ignorante na matéria, mas rapidamente percebi que estou completamente fora do circuito musical da minha filhota mais velha.

Apresenta-me, então, os Linkin Park, e devo confessar que fiquei feliz. Apesar de não fazer a mínima ideia de quem são os senhores, fiquei realmente feliz. Assim, aqui fica a sugestão, que deixou de ser uma sugestão e passou a ser uma homenagem ao espectáculo de filha com que fui divinamente presenteada…

Linkin Park (clicar em baixo)                                                                http://www.youtube.com/watch?v=nCM6n86P-G4

 

 

Frases de Sempre

Posted in Frases de Sempre with tags , , , , on Abril 28, 2008 by soniapessoa

“O único lugar onde o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário”

Albert Einstein

 

Escrever um poema

Posted in Uncategorized with tags , , on Abril 1, 2008 by soniapessoa

Para escrever um poema qualquer

A gente pensa, ensaia,

Faz rascunhos, remendos e emendas.

Escrever um poema qualquer é fácil,

Escreve-se quando se quer.

Mas para escrever um poema especial,

Aquele que mexe com o coração,

Que diz o que nos dói,

O que nos vai na alma,

O que amamos, ou achamos sublime.

Aquele que de lá sai inteirinho,

Sem costura, sem emenda, sem rascunho.

A gente não escreve quando quer.

Não se escreve.

Sente-se, respira-se, transpira-se.

E expele-se como que por artes mágicas

através de uma caneta qualquer.