Archive for the Uma Nova História (Contos Infantis) Category

Agora estou aqui!

Posted in Uma Nova História (Contos Infantis) with tags , on Janeiro 4, 2015 by soniapessoa

Acho que nunca cheguei a dizer adeus. A ideia era fazer uma pausa a que a vida me forçou, mas a pausa passou de breve a prolongada, tão prolongada que lhe ditou o fim. Voltei várias vezes, mas sem conseguir escrever. Senti que aqui já não fazia sentido. Houve amigos que me seguiram, outros amigos que se perderam. Espero que nunca seja tarde para os recuperar, ou me recuperar. Estou no facebook, apareçam! E estou também aqui , https://www.facebook.com/edicoesserdiferenteebom ,com um novo projecto literário. Convido todos a conhecerem o projecto que passa por um crowdfunding que podem apoiar. Espreitem aqui para conhecer e apoiar o projecto! http://ppl.com.pt/pt/prj/um-dia-na-praia

Saudades…

capa

Ser Diferente… é bom: Um Dia na Praia (uma nova história)

Posted in Uma Nova História (Contos Infantis) with tags , , , on Abril 11, 2008 by soniapessoa

Para aqueles que têm seguido o desenrolar das histórias, que, aqui, partilho convosco, quero deixar uma palavra especial sobre o conto que hoje terminei de escrever: “Ser Diferente… é bom: Um dia na Praia”.

Quando me lancei nesta odisseia, que me dá o maior dos prazeres, e escrevi o primeiro conto (ponto 3), foram várias as pessoas (duas ou três a quem dei a ler, assim que foi terminado) que questionaram o porquê de eu não falar, directamente, sobre o assunto da monoparentalidade. O tema do conto era esse, assumido por mim desde o início. Era, aliás a única razão de ser daquela história. Mas, expliquei-lhes, na altura, que o objectivo era precisamente fazer dele um assunto não tabu. Era falar dele, sem o escrever na verdade… era fazer da diferença a normalidade de cada um de nós. E, penso que resultou na perfeição. Mas à medida que as histórias foram crescendo, e as personagens também, dentro do meu próprio imaginário, dei por mim atenta ao que a Maria, o Pedro, e todos os meninos que as compoêm, me íam, também a mim, ensinando. Crescer no meio de fábulas, contos de príncipes e princesas, não descarta a necessidade de enfrentar a realidade que nos rodeia. “Um Dia na Praia” nasceu para isso… para falar mais alto, para crescer mais um pouco e nos enriquecer.

Como a Dra. Gabriela Moita disse, no prefácio do primeiro conto, também eu o repito agora: obrigada Maria, pelo que, também a mim, me ensinaste.

Sónia Pessoa