A união criou uma obra…

Citação de abertura da obra e convite…

“Que palavras vos darei, entre tantas que amo, que me fascinam, que entrego, troco ou que me aborrecem? Qual delas poderá fazer-me aceitar o amável convite (…) para colaborar num “dicionário de palavras pessoais”, conquanto modestamente considere que palavra alguma, pessoal ou singularmente, me pertença. (…) opto por termo vasto e misterioso: silêncio.
Anterior às palavras, são estas afinal que o habitam, o penetram, o dimensionam, o valorizam, lhe conferem sentido (…) é inerente à criação.
(…) Já o dizia Kafka: “Não é necessário saíres de tua casa. Continua sentado à tua mesa, ouve. Não ouças sequer, sê absolutamente solitário, absolutamente silencioso.”

NAVARRO, António Rebordão in a minha palavra favorita, “silêncio”, pp. 312-314, Edição Jorge Sá-Reis, centroatlantico.pt., 2007.

Estão convidados a participar neste encontro de palavras soltas.

E no dia 5 de Dezembro será na Livraria Barata, na Av. De Roma (nº11A, à Praça de Londres), Lisboa.

6 Respostas para “A união criou uma obra…”

  1. Fiz uma promessa ha uns meses atras… e pretendo cumpri-la, e por isso em principio lá estarei…

  2. soniapessoa Says:

    lá nos encontraremos… bjo

  3. Vim agradecer a sua passagem lá pelos pensamentos. Não é a primeira vez que aqui passo mas hoje deve ser aquela em que passo mesmo a correr. eu volto.

    Bjos

  4. soniapessoa Says:

    Olá Tita, obrigada pela visita, vemo-nos então mais tarde. Bjo

  5. Estive na apresentação do “22 Olhares sobre 12 palavras” e gostei de tudo o que vi e ouvi.

    Dos 9 autores que vislumbrei estarem presentes por usarem crachá ao peito, consegui que 8 me autografassem o livro: Margarida Martins (Mec), Alice Duarte (vidadevidro), Eli Rodrigues, Isabel Ferreira (jawaa), Maria de Fátima Ramos (fa menor), Zé Viajante, Ana Eugénio e Paula Raposo. Apenas não consegui autógrafo da Conceição Paulino que por acaso foi a primeira a quem me dirigi. E dirigi-me outra vez e depois achei que a terceira já era demais e desisti, embora eu não seja de desistir facilmente, mas…

    Tive pena de não estar lá a Sónia Pessoa, mas ficará para outra oportunidade.

    Gostei imenso da intervenção de Jorge de Castro, apresentador do livro.

    Agora vou ler os 22 sobre 12 em 2 tempos, pois já o desfolhei e fiquei curioso.

    Grande abraço

  6. soniapessoa Says:

    Armindo, com muita pena minha não pude estar presente, mas espero que no próximo dia 13 nos encontremos no Gaiashopping e nessa altura leva o livro dos 22 Olhares, faço questão de lá deixar um miminho e de te conhecer. Conto contigo… beijos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers gostam disto: