Flashs do Dia…

‘”O livro é uma grande merda. (…) Num país onde todos são escritores, fico assombrado com pessoas que escrevem livros em dois meses (…) Não gosto de livros fáceis (…) como as mulheres fáceis que nos piscam o olho”

António Lobo Antunes, num colóquio em Oeiras, sobre o último livro de José Rodrigues dos Santos, in Diário Digital’

Quando li isto pensei, a ser verdade é feio, muito feio.

25 Respostas to “Flashs do Dia…”

  1. Estive presente nesse encontro, do primeiro ao último minuto. Fiz até um post sobre o ALA e a entrevista com o Carlos Vaz Marques.

    A pergunta foi-lhe feita em tom de provocação, sobre o que ele achava destes boom literários que surgem a toda a hora. Já se sabe que ele é directo e que se está nas tintas para o que os outros pensam dele e responde à letra. Não foi ele que falou do JRS, foi o entrevistador.

    À excepção da palavra merda, que podia ter sido evitada, concordo com ele inteiramente.

  2. Ainda nao li o novo livro JRS e admito que os livros anteriores foram do meu agrado. Agora que há poucos escritores com a capacidade de escrito do ALA.
    Por isso, apesar de achar que a boa educacao cabe em todo o lado, a frontalidade faz dele um ser singular e muito bom de ler, e ouvir!

  3. O meu respeito pelos escritores, que eu considero como verdadeiros escritores, é tremendo… Pessoas que escrevem ha muitas, livros ha muitos… verdadeiros escritores há poucos.

  4. soniapessoa Says:

    É isso mesmo Patti, só achei que a palavra merda é mesmo desnecessária, até quando somos directos e sinceros… beijinhos

  5. soniapessoa Says:

    Cátia, concordo contigo, mas não é assim em todas as profissões, não é assim a vida… bom e mau?… beijoca

  6. soniapessoa Says:

    Rui, também já li os livros do José Rodrigues dos Santos, admiro-o muito como profissional da comunicação. Beijinho

  7. Ai dele que diga que o teu livro e uma m****, vou da Holanda a Portugal so para lhe apertar o pescoco !
    Ha formas de dizer as coisas, concordo ctg.
    Beijinho.

  8. soniapessoa Says:

    Fizeste-me rir!… cada um tem direito à sua opinião, mas mesmo quando a expressamos devemos ter em conta a invasão do espaço alheio, no fundo é só isto, ofender não é expressar opiniões… bjo

  9. Eu estive lá com a Patti e isto que escreveste está fora de contexto.
    ALA realmente utilizou essa palavra (que existe na Língua Portuguesa para ser utilizada);
    Ele acrescentou que não leu o livro; apenas recebeu o catálogo e aquilo que dizia no catálogo para promover o José Rodrigues dos Santos é que era a tal palavra que existe na Língua Portuguesa.
    Quanto a José Rodrigues dos Santos, gosto dele como jornalista, mas ainda ando a mastigar o Codex, tendo já folheado outros e não me seduziram.
    Gostos não se discutem, respeitam-se.
    Quanto ao “vernáculo” até se pode utilizar e nem sequer ser ofensivo.
    Deixo-te um beijinho e votos que o teu livro tenha o sucesso que tu queres.

  10. soniapessoa Says:

    Olá Gi. O que eu escrevi foi apenas a fiel reprodução de uma revista… e eu salvaguardei isso dizendo “a ser verdade”. Claro que “merda” é uma palavra portuguesa que existe para ser usada… mas existe uma coisa chamada bom senso, é só isso.
    Sobre o meu livro, espero que tenha apenas o sucesso que merece, nem mais nem menos, mas obrigada. Bjo

  11. Olá Sonia

    Bom, isto vai parecer mal…. que se dane. Eu nunca li um livro do ALA…. sou um leitor compulsivo, e consigo ler quase tudo o que me passa pelas mãos… nunca me caiu nas mãos um livro dele…e nunca me passou pela cabeça comprar nenhum… na verdade não sei porquê…. mas sabes uma coisa, li os livros todos do José Rodrigues dos Santos… até ao Sétimo selo..e na verdade o ALA não anda longe da verdade.

    Há uma diferença entre escrever livros e escrever literatura, e o Sétimo Selo está muito próximo de ser uma merda. A filha do capitão era um bom livro, eu gostei.. mas depois disso, ele foi descendo…. cada vez mais.

    Está dito
    Jorge

  12. soniapessoa Says:

    Jorge, não parece nada mal, porque eu também nunca li, nunca calhou, e confesso, então, aqui, e se calhar vai tb parecer mal, que o senhor não me inspira grande simpatia… em relação aos livros do José Rodrigues dos Santos, não são realemente uns best-sellers, comparo-os aos livros do Dan Brown, mas o que achei mau nesta história foi a forma insultuosa de se referir aos livros dele ou de outros. Acho que não é bonito, uma coisa é tu dizeres aqui no meu blog que achas que são uma merda, outra coisa é dizê-lo num encontro público daquela natureza~… não havia necessidade.

  13. Ora, eu não li nenhum dos dois! E também sou uma leitora com peso, mas normalmente os escritores portugueses irritam-me e sou pouco aventureira para esses lados. Para já, fico-me pelos clássicos e uma lista reduzida dos contemporâneos. Mas gostos não se discutem. Os livros de um e de outro até podem ser uma porcaria, mas desde que escrevam português correcto, acho sempre bom que haja leitores para um e para outro.

  14. soniapessoa Says:

    Concordo contigo, Cris. Bjo

  15. Ola Sónia, mais uma vez! Não pude deixar de voltar a comentar este artigo, desta vez um pouco mais elaborado. Espero que não te importes. Pelo que li na resposta a um comentário nc leste nenhum livro do ALA. Pois bem, eu por sorte já calhei ler e para mim é dos melhores escritores da língua portuguesa. Podes facilmente ir ao site da visão (http://clix.visao.pt/Opiniao/antonioloboantunes/Pages/Acadeiradodentista.aspx) e assim podes ler algumas cronicas dele e ficar com a noção que tipo de escritor ALA é. Pode ser que gostes. Tudo isto para dizer que por mais que queira parecer, ALA não é mal educado, simplesmente directo. O facto de ter adjectivado de “uma merda” o novo livro do JRS é apenas um pormenor, até porque nunca devemos ficar ofendidos com a opinião de uma outra pessoa, desde que essa mesma pessoa não nos ataque pessoalmente. Isso sim, é falta de respeito. Se ALA tivesse dito “porcaria” ng prestava atenção, mas como disse “merda” já perece que está a faltar ao respeito. Não concordo, porque apenas se referiu ao livro, e se ele acha que o comentário para promover o livro é uma merda, deixa-lo dizer isso mesmo. “Vivemos” num pais de politicamente correcto e quando alguém saí dessa linha achamos falta de respeito. Eu não concordo com essa linha de pensamento, e acho que uma pessoa deve ser livre de dizer o que quiser sem ofender o individuo em si mas sim os seus “actos”, mas respeito quem se recuse a tomar por sua essa conduta e prefira uma postura mais educada.

    Bjs

  16. soniapessoa Says:

    Rui, estás sempre à vontade para intervir aqui neste cantinho! No entanto, e olha que eu sou uma pessoa muito directa, e ao longo da vida tenho perdido alguns pontos a meu favor por causa disso, não concordo com a tua opinião… podemos dizer tudo o que queremos sem usar palavras menos bonitas, aliás, podemos até ser mais eficazes no que dizemos sem ter que recorrer a essse tipo de linguagem, e olha que eu sou do Porto e digo asneiras! Mas digo-as, claro, entre amigos… até porque existem regras para viver em sociedade, com oexistem regras de boa educação, e não é isso que fazemos questão de ensinar aos nossos filhos?… se não fôr assim, tudo isso perde razão de ser, perde sentido. beijo

  17. Eu não li os comentários anteriores, para não ser “contaminado” e acabar por não escrever o que me apetece: já tinha lido essas declarações do ALA e, sinceramente, agradam-me. Porquê? Porque são verdadeiras, autênticas, ele não se esconde atrás das conveniências, do “parece mal”, diz o que pensa e com as palavras que mais lhe agradam para o expressar. É deselegante? Claro. Eu diria o mesmo? Possilvelmente não teria a coragem para isso, mas lamento-o.

  18. soniapessoa Says:

    Agora já deves ter lido os comentários, e está lá expressa a minha opinião… bjo

  19. O ALA é frontal e não está com rodriguinhs. Este país precisava de mais gente como ele. Já temos demasiadas pessoas adar palmadinhas nas costas e deois a apunhalar-nos. Prefiro o método ALA, mesmo sendo doloroso. Tem a virtude de sr sincero
    Beijinho

  20. Acabei de ler o livro a Vida num Sopro e devo dizer que gostei.
    Obrigada, José Rodrigues dos Santos.
    Os portugueses são um pouco envejosos, por isso as vezes falam mal só por inveja.

  21. Olá Sonia, Le o livro e deois diz o que achaste, estou a elaborar um resumo e preciso de ajuda.
    Se não leste o livro porque é importante saberes a opinião dos/ das leitoras?
    Beijinho

  22. Desculpa screvi um erro( Em depois)

  23. Olá Sonia! Fico à espera de saber a tua opinião, sobre o livro está bem?.
    Bom domingo!
    Bjs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: