Frases de Sempre

A propósito de (mais) um conto que estou a escrever, lembrei-me da famosa frase, da poesia de Fernando Pessoa:

“Ó mar salgado, quanto do teu sal são lágrimas de Portugal”

Gosto.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: